Category Archives: História

SOLAR DO ALMIRANTE ALEXANDRINO DE ALENCAR

Por | 28 de março de 2017

O Museu   Situado na Rua Almirante Alexandrino, nº 1096, trata-se de um prédio tombado. Construído em 1790, por Mateus Simões Pires, um dos primeiros açorianos a chegar em Rio Pardo, é um sobrado de arquitetura colonial, construído em barro e madeira numa pequena elevação perto de dois metros acima da rua. Alexandrino de Alencar… leia mais, clique aqui »

Rua da Ladeira e sua história

Por | 28 de março de 2017

 Uma rua famosa do Rio Grande A Rua Júlio de Castilhos é uma das primeiras vias pavimentadas no Rio Grande do Sul. Inicialmente chamada de Rua Direita, foi sucessivamente chamada Rua do Imperador e Silveira Martins, atualmente Júlio de Castilhos. A pavimentação foi executada por escravos, no ano de 1813, com pedras retiradas do rio… leia mais, clique aqui »

Aldeia São Nicolau

Por | 27 de março de 2017

CAPELA SÃO NICOLAU São Nicolau foi um aldeamento indígena que Marcelino Figueredo, governador da Capitania, arranchou nos arredores de Rio Pardo e, até 1824 conservaram os índios, sendo a maior preocupação era fazer uma igreja para índios. Nestes tempos, dito por viajantes em Rio Pardo a língua guarani era de uso tão comum como a… leia mais, clique aqui »

Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário – Rio Pardo – RS

Por | 22 de março de 2017

    Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário Na primeira metade do século XVIII, surgiu um acampamento formado por famílias portuguesas, este acabou servindo de base para a colonização da região. Este acampamento encontrava-se numa área limítrofe com domínios espanhóis, estando próximo à região das missões jesuíticas dos guaranis, o local passa por vários conflitos, e o acampamento original se transforma… leia mais, clique aqui »

Capela São Francisco e sua história

Por | 22 de março de 2017

        CAPELA SÃO FRANCISCO A Ordem terceira do Seráfico São Francisco da Penitência já existia no século XVIII, perdeu todo o seu arquivo em um incêndio no ano de 1853, quando a capela mor da igreja de São Francisco foi consumida pelo fogo. Existe, no entanto, uma provisão criando esta igreja, em… leia mais, clique aqui »

Conheça August Saint Hilaire

Por | 21 de março de 2017

               August Saint Hilaire – Um botânico que entrou para história    Saint’Hilaire, era botânico e em suas viagens percorreu os seguintes estados: Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul. Conheceu as nascentes do Jequitinhonha e do São Francisco até… leia mais, clique aqui »